O que torna o conteúdo em vídeo tão importante em 2019?

Atualizado: 30 de Abr de 2019

O mercado de arquitetura e design está descobrindo todo o potencial do conteúdo em vídeo, com cada vez mais marcas criando novas estratégias para consolidar uma comunicação inteligente e eficiente. Conheça o que está por trás dessa mudança e como ela pode inspirar suas ações de marketing através do vídeo.


A Dell Anno utiliza o vídeo como uma importante ferramenta de comunicação dentro de suas estratégias de marketing, conectando arquitetos aos seus produtos.


O vídeo é capaz de impactar, envolver, transmitir sensações e motivar pessoas a tomar decisões.

As plataformas estão evoluindo dia após dia em resposta a este novo comportamento do público. Quando falamos nas principais redes sociais utilizadas pelos brasileiros, como Facebook, Instagram e YouTube, o vídeo ganha papel de destaque, tornando clara a preferência de consumo dos internautas por este modelo de conteúdo.


O conteúdo autêntico mostra-se menos intimidante e dá às pessoas a confiança de que precisam para agir.


O YouTube já ocupa a posição de segundo maior buscador no mundo, atrás apenas do próprio Google. As pessoas estão utilizando o YouTube para buscar informações sobre produtos e serviços, auxiliando-as na tomada de decisões no momento da escolha de marcas e profissionais.


Pode ser o desejo por uma cozinha planejada, a reforma de um banheiro, ou um projeto completo de uma casa ou apartamento. As necessidades surgem a todo instante em nossas vidas, e a internet tornou-se o lugar mais atrativo para encontrar outras opiniões, de quem já viveu experiências de consumo parecidas, ou para conhecer os valores que marcas e profissionais estão comunicando com o mercado.


Como o vídeo permite que as pessoas criem um caminho exclusivo para comprar?


Os compradores de hoje estão no controle durante todo o percurso da compra, capazes de explorarem milhares de categorias, marcas e produtos a qualquer momento.


Posicionar a mensagem certa, em relação a um produto ou serviço, no momento exato de uma compra ou contrato, é um dos grandes desafios de qualquer marca ou profissional do mercado de arquitetura e interiores.


As pessoas respondem ao entendimento de suas necessidades. Por isso, é essencial otimizar suas mídias - e o vídeo possui excelente capacidade de síntese, sem perder a riqueza visual e narrativa. Compreender este fato pode significar a diferença entre adquirir clientes lucrativos e adquirir os clientes que a concorrência não quer.


  • Mais de 90% das pessoas dizem que descobrem novas marcas ou produtos no YouTube.


  • Mais da metade dos compradores dizem que o vídeo on-line os ajudou a decidir qual marca ou produto específico comprar.


  • Mais de 40% dos compradores globais dizem que compraram produtos que descobriram no YouTube.


O sucesso da comunicação sempre se baseou na construção de conexões significativas com os clientes. Mas a fórmula para alcançá-lo é, em grande parte, impulsionada pelo comportamento do consumidor, que está em constante evolução. E o mercado de arquitetura e interiores responde de maneira semelhante. Não importa se estamos falando do mercado de alto luxo ou de modelos mais acessíveis.


Os arquitetos e as marcas de forma em geral já compreendem a importância do vídeo. Um ótimo conteúdo deste tipo pode expandir a notoriedade de um profissional ou marca, além de fornecer um caminho claro para a aquisição de um serviço ou produto.


Esqueçam definitivamente os modelos tradicionais de comunicação. Eles não irão funcionar da mesma forma e com o mesmo impacto daqui em diante. O consumidor mudou, assim como a forma com que o conteúdo é consumido e as mídias são utilizadas.


O vídeo é capaz de captar a atenção das pessoas, inspirá-las e incentivá-las a agir.


  • YouTube - Círculo Branco
  • Facebook - Círculo Branco
  • Vimeo - Círculo Branco
  • LinkedIn - Círculo Branco
  • Instagram - White Circle
©Augusto Custodio Produções Cinematográficas LTDA.
Todo o conteúdo do site é de uso exclusivo da marca Augusto CustodioProibido reprodução e utilização sem autorização sob penalidades das leis brasileiras e internacionais.